quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Resenha #12 | Confissões On-Line 2 | Iris Figueiredo

Sinopse
Mariana Prudente realizou seu maior sonho: fazer intercâmbio. Depois de dois meses de muito aprendizado e diversão no Canadá, ela voltou para casa, mas, dessa vez, é Arthur quem parece distante. Para completar, além de não ter a menor ideia do que fazer com o próprio futuro, Nina, sua melhor amiga, está de malas prontas para fazer faculdade em outro estado. Mari, então, mais uma vez faz de seus vídeos o lugar ideal para extravasar e falar sobre seus anseios e a sua rotina diária. O canal Marinando ganha cada vez mais acessos e vira um fenômeno na internet. Com a sua vida virtual dominando a real, Mariana ainda precisará acertar as contas com o passado e enfrentar quem não está feliz com o sucesso dela. Mas, com a ajuda de uma nova amiga, Mari conseguirá enfrentar os momentos bons e ruins dos próximos meses e finalmente descobrir quem ela realmente é.


Esse é o segundo e último livro da série Confissões On-line, da Iris Figueiredo. Esse livro me deixou cheia de sentimentos por ter que me despedir dos personagens criados pela autora. Se ainda não leu o primeiro livro, dá uma olhada na resenha que fiz para não ficar perdido. 

O livro nos conta um pouco sobre o intercâmbio no Canadá que Mariana conseguiu através do seu canal no Youtube, tudo graças ao ‘pequeno’ chilique que a irmã teve e isso proporcionou a Mari um patrocínio para sua tão esperada viagem. Lá, ela fez seu curso de inglês, se divertiu e conheceu Pilar, sua mais nova amiga.

Voltando ao Brasil, Mari se depara com várias situações complicadas. Sua melhor amiga, a Nina, está para se mudar para outro estado e sua saúde está cada vez pior, Arthur parece não ter esquecido a ex-namorada, uma youtuber surgiu para falar mal dela na internet e ela ainda não sabe qual curso escolher para a faculdade.

Mesmo com o apoio da família e amigos, Mari ainda se sente muito machucada pelo que passou na escola e isso começa a interferir em seus relacionamentos e em questões de trabalho. O desenrolar da história começa quando Mari reconhece que precisa de ajuda para superar seus medos e seguir sua vida.

“Costumamos complicar demais o que é para ser fácil, mas, no fim das contas, cada pessoa tem um jeito de ver a vida. Não há certo ou errado desde que você não prejudique ninguém no caminho.”

No início do livro, confesso que achei a Mari muito chata com todo aquele blá blá blá sobre seu relacionamento com Arthur, mas a partir do momento que a história se volta para seus traumas, eu não consegui mais largar o livro. A personagem teve um crescimento impressionante e isso a ajudou a equilibrar sua vida pessoal com a vida pública de youtuber. O que mais gostei, foi a forma como a Iris incluiu a anorexia e as reações de quem passa por isso na vida real. De forma leve, ela tratou um assunto muito difícil de trabalhar com adolescentes.

Confissões On-Line 2 é um livro divertido, leve e gostoso de ler. Fico triste só de pensar que não terei mais histórias sobre a Mari e seus casos engraçados. Comprei o livro na bienal, mas como me desencontrei da Iris, fui ao seu lançamento em Niterói e tirei muitas fotos que vocês podem conferir aqui. Bom... eu iria de qualquer jeito.


Não deixem de conferir as histórias da Iris. Além de prestigiar a literatura nacional, vai estar se entretendo da melhor forma. Vou deixar os links da autora para que possam conhecer mais do trabalho dela.

SkoobFacebookTwitterBlogYoutube

Até a próxima!